Início » Eduardo Paes provoca a Caixa sobre estádio do Flamengo
Flamengo

Eduardo Paes provoca a Caixa sobre estádio do Flamengo

Eduardo Paes provoca a Caixa sobre estádio do Flamengo

Prefeito utilizou as redes sociais para destacar apoio à empreitada Rubro-Negra

Demandas Rubro-Negras

O Flamengo segue sua jornada em busca do Tetracampeonato da Copa Libertadores, bem como puxa a tabela do Brasileirão Série A, na liderança da competição. Entretanto, na Gávea diversos assuntos extracampo demandam intensos trabalhos.

Eduardo Paes mandou recado para a Caixa Econômica Federal sobre terreno do Gasômetro
© Thiago Ribeiro/AGIFEduardo Paes mandou recado para a Caixa Econômica Federal sobre terreno do Gasômetro

Um deles se refere as movimentações no mercado da bola, já que a janela de transferências está prestes a ser aberta. O Fla tem suas prioridades, como a contratação de Walace, volante que atualmente defende a Udinese.

Saídas também podem acontecer, já que o Mengão é uma verdadeira vitrine para o futebol europeu. Neste contexto, o atacante Pedro é um dos principais alvos, embora o Clube seja bastante exigente para negociar uma transferência do goleador.

No entanto, a construção do Estádio Rubro-Negro, em 2024, ganhou capítulos importantes, ao qual o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, tem sido protagonista sobre as negociações envolvendo o terreno do gasômetro.

O que disse o Prefeito?

O prefeito está imbuído em ajudar o Mais Querido e utilizou suas redes sociais para explicar a importância da empreitada. As conversas encontraram barreiras sobre a negociação com a Caixa Econômica Federal e Paes abriu o jogo sobre as dificuldades.

“Entenda porque a prefeitura do Rio sabe que o terreno do Gasômetro não precisa dessa dificuldade toda. Em recente acordo demos R$4 bilhões de perdão para a Caixa Econômica Federal. Ou seja, a prefeitura está mais uma vez mostrando sua disposição em resolver o assunto!”, afirmou o prefeito.

Paes citou o Vasco para brincar

Na sequência, Paes aproveitou para confirmar seu empenho, mas não deixou de brincar com a situação, já que é vascaíno.

“Só não podem é ficar de blá-blá-blá! (…) Tô pronto para ajudar o clube rival. Ajudo com muito sofrimento no coração (principalmente depois daquele resultado ridículo) mas disposto a ajudar pelo Rio, dada a importância(não tanto quanto a do Vasco) do Flamengo para nossa cidade! Em tempo: e ainda ajudamos os trabalhadores brasileiros”, escreveu em sei perfil nas redes sociais. Vale lembrar que o posicionamento do político foi destacado pelo Paparazzo Rubro-Negro.

O que diz a Nação


Bola Vip

About the author

Redação Sport Press

Add Comment

Click here to post a comment